Sabemos que implementar uma infraestrutura moderna é o grande gatilho para atingir certos objetivos empresariais.O Google Cloud Platform foi criado para isso: é a plataforma de cloud computing do Google e nasceu para que empresas sejam capazes de adaptar sua infraestrutura mais facilmente e ainda oferece uma série de serviços baseados na nuvem com uma alta performance, segurança e confiabilidade. Nesse post, vamos apresentar 6 motivos para contratar o Google Cloud Platform.

1) Análise e dados extremamente eficazes

O Google BigQuery, o Google Cloud Datalab e o Google Cloud Dataproc apresentam bom desempenho quando se fala em transformar dados em informações de valor para os negócios e sua infraestrutura. Consultas que levavam dias agora são respondidas em minutos ou segundos. Como resultado, mais insights podem agregar valor ao uso da própria plataforma.

2) Sem operação, apenas código (No-ops)

Adotar a prática de No-ops (No operations, sem operações, apenas código) significa dedicar os ciclos mais preciosos à codificação e o menor tempo possível à configuração da infraestrutura. Os softwares, motores da economia moderna, e devem, cada vez mais, trazer facilidade para criar, manter e ajustar a escala à medida que as necessidades de tráfego e armazenamento de dados mudam com maior rapidez.

O Google App Engine oferece suporte nativo a balanceamento de cargas, microsserviços, autorização, bancos de dados SQL e NoSQL, memcache, divisão de tráfego, registros, pesquisa, controle de versão, implantações, reversões e verificação de segurança, possibilitando crescimento de zero a milhares ou milhões de usuários sem qualquer esforço.

De acordo com a Google, é dessa forma que o tempo gasto em tarefas tais como acrescentar servidores, ajustar as configurações de rede e fazer com a tecnologia funcionar corretamente pode, assim, ser mais focado em inovação.

3) Preços vantajosos

Os “princípios amigáveis ao cliente”compõem a estratégia de produtos Google para a captação de usuários. O Google Cloud Platform pode ser, em média, 60% mais barato do que outras nuvens, com 0 de entrada. O Google Compute Engine até baixou os preços nos últimos 3 anos.

A própria empresa criou estimativas das alternativas de taxas iniciais, veja neste link.

4) Inovação em Data Centers

Nem é preciso falar sobre a magnitude dos data centers da gigante, não é? Neste vídeo, eles apresentam seus equipamentos em um vídeo 360º (em inglês).

A alta disponibilidade dessa plataforma advém de uma infra estrutura interna de grande magnitude, com mais de 500 especialistas de alto calibre trabalhando pelos data centers considerados como os mais “verdes” ou ecológicos do mundo atual.

Soluções inovadoras como Nearline Storage, Custom Machine Types, e VMs preemptivas permitem adaptar o Cloud Platform à sua carga de trabalho e ao seu orçamento.

5) Segurança

O modelo de segurança do Google inclui a segurança física do data center. O Cloud Platform desfruta do mesmo modelo de segurança, tendo a segurança como exigência central, a plataforma atende a padrões e certificações de conformidade da segurança.

Os clientes contam com verificação independente de controles de proteção, privacidade e conformidade. O Google é submetido a diversas e frequentes auditorias independentes de terceiros, em que um auditor independente examina os controles presentes nos data centers, na infraestrutura e nas operações.

O Cloud Platform está em conformidade com as melhores certificações, como ISO 27001, SOC 2/3 e PCI DSS 3.0. Como parte dos rigorosos padrões de privacidade de confiabilidade e do compromisso do Google com os clientes, o Google Cloud Platform oferece cláusulas de contrato no modelo europeu para os clientes sujeitos à Diretiva de proteção de dados da UE.

6) Nós podemos ajudar

Nossa empresa acompanha e auxilia implementação das maiores plataformas de cloud computing do mercado. Veja as formas como podemos te ajudar a implementar o Google Cloud Platform:

 

1 – Nossos especialistas certificados poderão apoiar na transição do ambiente atual do cliente para que o processo seja seguro, transparente e bem sucedido.
2 – No que diz respeito a faturamento local, atualmente o “GCP” é faturado no cartão de crédito. Isso gera uma série de problemas para o cliente, bem como os custos obscuros de impostos, dólar turismo, etc. Mas nós somos parceiros diretos do Google, e por nosso intermédio, o cliente já realiza a compra em moeda local, com impostos regularizados, boleto bancário, dólar comercial (que possui uma variação menor do que a do dólar turismo) e nota fiscal.
3 – Temos como diferencial o amplo suporte aos nossos clientes. Muitos não lidam bem com o atendimento de suporte direto com o Google.
Conforme citamos, a IPNET implementa outras plataformas, como Amazon, Microsoft e outras. Sabemos as diferenças entre elas e podemos te ajudar nessa escolha. Quer saber mais?