Realizar uma gestão de equipes eficiente é um dos maiores desafios para empresas em expansão, pois não possuem a facilidade de comunicação existente nos times enxutos e também não contam com os recursos das grandes companhias. A solução encontrada por muito gestores, então, é utilizar a metodologia SCRUM.

Neste post, selecionamos algumas informações sobre a metodologia para que você saiba como ela pode aumentar a produtividade e a lucratividade dos seus negócios. Confira!

O que é o SCRUM?

É o nome do movimento de reinício de partida no Rugby. Os jogadores dos times se agrupam e aguardam a ordem do árbitro para começar a disputa da bola. A ideia é que os colaboradores da sua empresa façam o mesmo: parem, se agrupem e se estruturem antes de iniciar uma nova “jogada”. Só que em vez da bola, o objetivo é a execução de um projeto e a evolução dos negócios.

Desenvolvido por engenheiros japoneses e posteriormente adaptado por desenvolvedores de software, o SCRUM pega emprestado alguns aspectos da metodologia Lean para empregar uma abordagem iterativa e incremental no qual o aprendizado por meio da experiência é valorizado em prol de um desenvolvimento ágil e linear, ou seja, uma rotina de tentativa-erro-acerto.

Como implementar o SCRUM?

Cada projeto é dividido em pequenos ciclos de tempo denominados Sprints. Eles podem ser mensais, quinzenais ou semanais, depende do projeto e da velocidade desejada para sua execução.

Determine um time de SCRUM para cada projeto. Nele, um dos membros será o Product Owner e outro, o SCRUM Master. Os demais membros serão os responsáveis pelo desenvolvimento e pela execução das tarefas que devem ser entregue ao fim de cada Sprint.

O P.O. (Product Owner) será o ponto de contato entre o time de SCRUM e quem deverá receber e aprovar o projeto. Se o projeto for o desenvolvimento de um software para um cliente externo, o P.O. será a ponte entre ele e a equipe de desenvolvimento. Se for um projeto interno, ele fará a ligação entre a equipe e o departamento responsável. Cabe ao P.O. garantir que a entrega final esteja dentro das expectativas.

O SCRUM Master é o “guardião da metodologia” e guia da equipe no uso do SCRUM, além de auxiliar na superação de obstáculos que travam a evolução do projeto. É o responsável por liderar o Sprint Planning Meeting e os Daily Scrums que falaremos a seguir.

O Sprint Planning Meeting é uma reunião de planejamento na qual as tarefas necessárias para a entrega do projeto são determinadas e ordenadas de acordo com a prioridade determinada pelo Product Owner. Cada entrega recebe uma pontuação para ser executada ou não dentro do Sprint.

Uma reunião diária de alinhamento chamada Daily SCRUM é realizada. Ela não deve durar mais que 10 ou 15 minutos, e cada membro da equipe deverá falar sobre o que fez no dia anterior, priorizar as próximas tarefas que devem ser concluídas por ordem de importância para o projeto e, caso alguma tarefa programada não tenha sido realizada, ele deve informar ao SCRUM Master qual é a causa do impedimento. Uma dica valiosa é que essa reunião seja feita no início do dia útil e de preferência que todos os participantes fiquem em pé para que tudo transcorra de forma ágil.

Ao final do Sprint, é realizada uma reunião para a apresentação dos resultados, e uma retrospectiva das tarefas é realizada. Após a conclusão, é hora da equipe se planejar e partir para o próximo Sprint e reiniciar todo o ciclo.

Como o SCRUM pode ajudar na gestão de equipes?

Agilidade é a palavra-chave nessa metodologia. Empresas que adotam SCRUM aceleram seus processos de entrega e criam equipes mais coesas e produtivas. As responsabilidades são mais distribuídas e os colaboradores se tornam mais empoderados e comprometidos com o resultado final.

Os ciclos curtos simplificam o desenvolvimento de projetos e causam uma sensação de evolução constante do trabalho, o que gera ganhos imensuráveis na motivação. Sabe aquela sensação de uma tarefa que não sai do lugar? Desaparece com adoção do SCRUM!

Lembre-se que essa é apenas uma das técnicas de gestão de equipes que podem ajudar a aumentar a produtividade da sua empresa. Conheça outras como o GDT e aprenda como implementá-la na sua empresa!